Seguidores

quarta-feira, 2 de janeiro de 2013

Como foi a Corrida Internacional de São Silvestre 2012


Na manhã do último dia do ano tinha temperatura amena. Os termômetros marcavam 23°C na Avenida Paulista. Pela primeira vez na história da prova, a São Silvestre teria sua largada na parte da manhã. E após os protestos que ocorreram no ano passado, o início e o fim da corrida voltaram a ser na avenida mais famosa da capital paulista.

Entre os favoritos do field masculino o nome de maior destaque brasileiro era o de Giovani dos Santos. 

O fundista da Pé de Vento, atual vencedor da Volta Internacional da Pampulha, era apontado como o único corredor nacional capaz de bater a elite africana.

Dada a largada masculina, o primeiro a se destacar foi Giomar Pereira, mas o pentacampeão do ranking Caixa/ CBAt não conseguiu manter o ritmo forte por muito tempo. Antes do início da Avenida Pacaembu, o corredor do Cruzeiro já era ultrapassado pelo field, passando a integrar o segundo pelotão.

Somente na altura do quilômetro sete que o primeiro grupo começou a se desfazer e os atletas mais rápidos assumiram a liderança. Durante quase dois quilômetros Joseph Aperumoi, corredor da Luasa, que somente para essa São Silvestre vestiu as cores do Cruzeiro, manteve-se líder. Porém, o queniano foi logo ultrapassado por seus compatriotas Mark Korir e Edwin Kipsang.

Os dois fundistas se revezaram algumas vezes na liderança, mas após a passagem pela parte central de São Paulo, já no fim da corrida, Kipsang abriu distância e não foi mais alcançado pelos concorrentes. A briga pelo segundo lugar esquentou durante o um quilômetro de subida da Brigadeiro.

Faltando um pouco mais de mil metros para a linha de chegada, Aperumoi forçou o ritmo e ultrapassou Korir e assumiu a segunda posição. O africano do Cruzeiro até chegou a esboçar uma tentativa de alcançar Kipsang, mas acabou não conseguindo.

Giovani dos Santos sentiu que o momento de Korir era ruim e tentou ultrapassá-lo, mas também não obteve sucesso. “Na Brigadeiro eu estava encostando, mas quando chegou na Paulista o Korir conseguiu apertar e eu não consegui chegar nele”, conta.

Grupo faz a diferença- Segundo Giovani, que repetiu seu resultado de 2010 na prova, a maneira que os africanos treinam faz a diferença quando eles chegam para largar em qualquer prova do mundo. “Eles estão sempre treinando em grupo e isso é importante e faz toda a diferença”, avalia. Porém, o atleta da Pé de Vento afirma que os africanos não são imbatíveis. “Eu consegui ganhar de um queniano na Volta da Pampulha e isso mostra que a gente tem condições de ganhar deles”, finaliza.

Confira os primeiros colocados da São Silvestre 2012:
1 - Edwin Kipsang (Quênia): 44min05s
2 - Joseph Kachapin Aperumoi (Quênia): 44min14s
3 - Mark Korir (Quênia): 44min20s
4 - Giovani dos Santos (Brasil): 44min51s
5 - Hafid Chani (Marrocos): 45min56s
6 - Najim El Qady (Marrocos): 46min34s
7 - Alphonce Felix Simbu (Tanzânia): 46min37s
8 - Ubiratan José dos Santos (Brasil): 46min38s
9 - Ahmed Baday (Marrocos): 46min40s
10 - Paulo Roberto de Almeida Paula (Brasil): 46min49s
Queniano vence e Giovani dos Santos coloca o Brasil no pódio
Foto : Site Corrida de SS

Confira as primeiras colocadas da São Silvestre 2012:
1 - Maurine Jelagat Kipchumba (Quênia): 51min42s
2 - Jackline Juma Sakilu (Tanzânia): 52min11s
3 - Rumokol Elizabeh Chepkanan (Quênia): 52min50s
4 - Fekede Almaz Negede (Etiópia): 53min36s
5 - Anastazia Msandai Mhomi Ghamaa (Tanzânia): 53min42s
6 - Tatiele Roberta de Carvalho (Brasil): 54mins10
7 - Sueli Pereira da Silva (Brasil): 54mins19
8 - Nacy Jepkosgei Kipron (Quênia): 54mins51
9 - Roselaine de Sousa Silva (Brasil): 55min09s
10 - Marizete Moreira dos Santos (Brasil): 55mins34
Queniana do Cruzeiro vence com facilidade e aumenta jejum brasileiro

Mapa do Percurso




Trajeto: Corrida Internacional de São Silvestre 2012:
LARGADA: Proximidades da Alameda Ministro Rocha Azevedo
- Av. Paulista até Rua Haddock Lobo;
- Túnel José Roberto Fanganiello Melhem;
- Av. Dr. Arnaldo até Rua Major Natanael;
- Rua Major Natanael;
- Rua Desembargador Paulo Passalaqua;
- Av. Pacaembu, sentido Estádio (Contra-fluxo);
- Baixos do Viaduto da Av. Gal. Olímpio da Silveira;
- Av. Pacaembu, ambos os sentidos até Rua Margarida;
- Rua Margarida;
- Al. Olga;
- Rua Tagipuru;
- Rua Fuad Naufel;
- Av. Auro Soares de Moura Andrade, sent. Bairro/Centro;
- Rua Mário de Andrade
- Av. Pacaembu, sentido Marginal Tietê;
- Viaduto Pacaembu, sentido Marginal Tietê;
- Av. Dr. Abraão Ribeiro
- Av. Marquês de São Vicente;
- Rua Norma Pieruccini Giannotti;
- Av. Rudge;
- Viaduto Eng. Orlando Murgel;
- Av. Rio Branco;
- Av. Duque de Caxias, pista da direita (Contra-fluxo);
- Av. São João;
- Largo do Arouche;
- Av. Vieira de Carvalho, sent. Bairro / Centro;
- Praça da Republica;
- Av. Ipiranga (Contra-Fluxo);
- Av. São João (Contra-Fluxo);
- Largo do Payssandu
- Rua Conselheiro Crispiniano;
- Praça Ramos de Azevedo;
- Viaduto do Chá;
- Rua Líbero Badaró;
- Largo São Francisco;
- Av. Brig. Luís Antônio;
- Vd. Brig. Luiz Antônio;
- Av. Brig. Luis Antônio;
- Av. Paulista;
- Chegada: Av. Paulista, sentido Consolação em frente à GAZETA.





Medalha


Minha Corrida

Esta foi a minha 7º participação na Corrida Internacional de São Silvestre e quarta seguida(1996, 2000, 2002, 2009, 2010, 2011 e 2012).

Nos últimos anos a São Silvestre vem sofrendo várias mudança como alteração de percursos e este ano também a mudança de horário.

Para muitos, esta mudança de horários pode ter tirado um pouco da tradição da corrida, eu gostei da mudança, pois a maioria da prova que realizo tem seu inicio entre 07:00 horas e 08:00 horas.

A prova no inicio da manhã, o corredor acorda mais disposto, descanso e ainda poder ter sua ansiedade diminuída  por não ter de espera muito tempo pela prova depois que acorda.

Na chegada a prova, fiquei muito tempo procurando uma vaga para estacionar o carro e com isto larguei dez minutos depois do começo da prova.
Comecei na largada devagar para aquecer mais o corpo e me prepara para os declives que me esperavam pela frente, tentei sempre manter o meu ritmo e correr em torno de 1 km em 5 minutos, minha expectativa era baixa o meu melhor tempo de 1 hora e 15 minutos (1996 e 2010).

Tudo estava bem, mas não teve jeito e senti a subida na brigadeiro no quilômetro 14 km, diminui o ritmo um pouco e quando entrei na Avenida Paulista, aumentei o ritmo em rumo a chegada e a conclusão de mais uma prova, terminando mais um ano com alegria e da maneira que mais gosto, correndo.
Repeti os meus melhores tempo e terminei a prova em 1 hora e 15 minutos.

Resultados das prova

Fato lamentavél

O cadeirante Israel Cruz Jackson de Barros, 40, que morreu durante a disputa da 88ª Corrida de São Silvestre após um acidente no percurso, temia competir no evento por conta dos perigos que a prova proporciona aos cadeirantes. De acordo com Adriana Mendonça, viúva de Israel, o atleta paraense só foi a São Paulo pois as passagens já estavam compradas.

"Estou arrasada. Ele era muito querido e essa foi a única corrida que ele não quis participar. Ele disse que tinha muita subida e que era perigoso", disse Adriana à TV Liberal, no Pará. "Ele pedia para eu orar por ele", completou.
Keline Vitória, filha do casal, lamentou muito a morte de seu pai. "Eu sou filha única. É difícil para gente", comentou.

De acordo com os organizadores da prova, Israel descia a Rua Major Natanael, uma ladeira muito contestada pelos cadeirantes que competiram na São Silvestre, quando perdeu o controle e se chocou com o muro do Estádio do Pacaembu.

Israel foi atendido logo após o acidente e foi logo encaminhada para a Santa Casa de Misericórdia por uma ambulância que estava no local, afirma a organização. Israel entrou no hospital às 7h35 e morreu às 8h50 por conta dos ferimentos.



Avaliação

Hidratação: Poderia ter um posto de hidratação entre o 2 km e 3 km.(regular)

Local da Prova: Av Paulista e centro de SP. (Bom)

Percurso: Gostei muito. (Bom)

Camiseta: Branca, muito bonita e ótimo material, gostei. (Bom)

Medalha: Achei a medalha razoável.(Regular)

Kit Pós Prova:  Bombons, Barra de cereal e um torrone. (Regular)

Kit pré Prova: (Regular)

Estacionamento: Fiquei muito tempo procurando para achar uma vaga.(Regular)

Guarda Volume: Não utilizei.

Vestiários: Não utilizei.

Sanitários: Pouco.(Regular)


Preço da inscrição : R$ 120,00 muito caro (Ruim)


Algumas fotos:












Fontes: 
http://www.webrun.com.br/corridasderua/n/sao-silvestre-tem-giovani-em-quarto-e-queniano-vencedor/14369

www.saosivestre.com.br

www.terra.com.br

2 comentários:

  1. Parabéns pela prova. Seu tempo, principalmente por causa do conhecido atraso da largada, foi muito bom. Significa que você conseguiu correr a SS. kkk

    Forte abraço e feliz 2013!

    Helena
    correndodebemcomavida.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Obrigado Helena, consegui completa mais uma prova.
    Te desejo um feliz 2013 com muita saúde, paz, felicidades e muitos kms!!!

    ResponderExcluir

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...