Seguidores

domingo, 4 de março de 2012

Quebra de recordes na Meia Maratona Internacional de São Paulo 2012


A Meia Maratona Internacional de São Paulo foi vencida por dois quenianos neste domingo (04/03), a corredora Pasalia Kipkoech Chepkorir na categoria feminina e Joseph Kachapin Aperumoi entre os homens. A surpresa foi justamente a vitória de um africano na categoria masculina, já que os brasileiros venceram as últimas edições da prova.

A largada da elite masculina foi dada junto com a categoria geral, às 7h30 na Praça Charles Miller, em frente ao Estádio do Pacaembu. Sob a temperatura de 19 °C, o sol já estava forte – apesar de o céu estar parcialmente nublado.

A prova bateu o recorde de inscritos com 11 600 participantes, segundo o organizador.

Prova rápida- Esta foi a edição mais rápida na história da Meia de SP. Os dois recordes (masculino e feminino) foram quebrados. No masculino, o queniano Joseph Aperumoi completou os 21 quilômetros em 1h01min38, batendo a marca de 1h03min12 de Marílson Gomes, em 2011.

“O clima estava igual ao do Quênia, nem quente nem frio”, comemora Joseph, que chegou ao Brasil apenas na sexta-feira. “Foi fácil porque treinei muito na altitude do Quênia”, completa o africano, que fica no País até maio. É a segunda passagem dele no Brasil – em janeiro correu três provas e teve bom desempenho em todas.

Marílson chegou logo atrás, com 1h01min46. “Queria correr forte. Eu ‘saí’ muito cedo, abri 50 metros a partir do quarto quilômetro e corri só. Ele me ultrapassou no 17º, tentei reagir, mas ele estava melhor”, reconhece o brasileiro.

“Foi uma estratégia suicida (forçar no início), mas o objetivo era esse, correr forte. Fiz a minha melhor marca aqui e fico feliz pelo resultado, triste só por perder a prova”, acrescenta.

O terceiro colocado foi Paulo Roberto de Almeida Paula, com 1h02min31. “Fiz a minha prova, sei como estou treinando. A Meia de SP é uma corrida pesada em que não se pode ter quebra de ritmo, senão paga um preço alto. Fiz na minha condição e tive um bom resultado”, conclui.

Confira a classificação da categoria masculina da Meia Maratona Internacional de São Paulo:


  • 1º Joseph Kachapin Aperumoi (QUE) – 1h01min38



  • 2º Marílson Gomes dos Santos – 1h01min46



  • 3º Paulo Roberto de Almeida Paula – 1h02min31



  • 4º Stanley Kipchirchir Koech – 1h02min53



  • 5º Giovani dos Santos – 1h02min59



  • Pasalia completou a prova em 1h12min29, batendo o recorde da compatriota Angelina Mutuka, que em 2009 fez 1h14min14. É quinta vez consecutiva que as quenianas vencem a Meia de São Paulo, sempre com uma fundista diferente. 

    “Nada mal”, diz a vencedora, usando expressão recorrente entre seus compatriotas. “O clima estava bom, foi fácil para mim”, assume Pasalia, que elogiou as adversárias. “As brasileiras estão em boa forma. Mas depois que eu comecei a 'pisar', fui sozinha”.

    A veterana colombiana Erika Suarez ficou com a segunda colocação, completando os 21 quilômetros em 1h13min14. Cruz Nonata foi a melhor brasileira, com 1h12min25. Ela também correu abaixo do recorde anterior e endossa o caráter de velocidade da prova.

    “Foi uma corrida muito rápida”, analisa a brasileira, que se manteve no pelotão de frente até o décimo quilômetro. “Depois a Pasalia me passou, eu fui atrás mas não consegui manter. Fiquei brigando com a segunda (Erika), tentei até o final, mas não deu.

    Em todo caso, a brasileira, que se prepara para tentar o índice olímpico em abril para a Maratona ficou satisfeita com o resultado. “Foi uma ótima prova para mim”, encerra Cruz, que competiu pela primeira vez no ano em São Paulo.

    Confira a classificação da categoria feminina da Meia Maratona Internacional de São Paulo:


  • 1º Pasalia Kipcoech Chepkorir (QUE) – 1h12min29



  • 2º Erika Abril Suarez (COL) – 1h13min14



  • 3º Cruz Nonata da Silva – 1h13min25



  • 4º Sueli Pereira Silva – 1h14min35



  • 5º Jacklyne Chemwek (QUE) – 1h15min48



  • Quero parabenizar todos que participarão da prova, muito participarão da sua primeira prova , sua primeira Meia Maratona, superando seus limites, enfrentando um grande desafio e batendo seus recordes pessoais. Através de muito treino, esforço, determinação e força de vontade e superação!!!

    Fonte : www.webrun.com.br 

    3 comentários:

    1. Parabéns!!!
      Quero correr em São Paulo dia 17 de junho,espero poder concluir a prova com sucesso.
      bons km
      CRIS!!!

      ResponderExcluir
    2. Cris,
      Te desejo uma boa prova no dia 17 de junho.

      ResponderExcluir
    3. Atleta,
      É com muito prazer que anunciamos um acontecimento muito importante: mudamos para um site muito melhor!

      O novo site está mais dinâmico, pratico, continuando a logica da partilhar e informação, entre outras novidades!! E um leque de colaboradores, para servir melhor todos os leitores...

      www.aminhacorrida.com

      ResponderExcluir

    LinkWithin

    Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...